Médica Gabriela Cunha era querida por colegas do HRT

A diretoria do SindMédico-DF lamenta, profundamente, a morte da médica Gabriela Rebelo Cunha, 44 anos, ex-diretora do Hospital Regional de Taguatinga (HRT). Recebemos a notícia na manhã desta quarta-feira (30). Segundo colegas, a cirurgiã era uma pessoa querida pela equipe da unidade. Aos familiares e amigos de Gabriela, nossos mais sinceros pêsames. Que a justiça seja feita. E que os responsáveis por essa atrocidade respondam por seus crimes.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS