Médicos são alvos de um novo golpe por telefone

Estelionatários cobram, por telefone, suposta conta pendente com empresa de telefonia

Em razão destes profissionais trabalharem ou serem proprietários de consultórios particulares, estelionatários entram em contato, cobrando o pagamento por serviços não contratados. Mais comumente, os golpistas estão utilizando do nome da Brasil Telecom para justificar a cobrança. Afirma-se que o não pagamento ensejará protesto, enquanto que o pagamento imediato é incentivado com descontos. Ainda que haja alguma possibilidade de existir dívida, ela pode estar prescrita.

Mais de 10 golpes aplicados em médicos e dentistas já foram levados à assessoria jurídica do SindMédico-DF. Por isso, seguem as orientações:

Antes de fazer qualquer depósito pegue o maior número de informações possíveis;

Não faça transferências para contas de pessoas físicas. O pagamento de uma pessoa jurídica (Brasil Telecom, por exemplo), só pode ser realizado por meio de uma conta própria de pessoa jurídica;

Compare informações, pois há muitos dados divergentes. Se for o caso, questione qual é o cartório de protestos e busque o número do cartório na internet (pois os golpistas normalmente passam um número como se fosse do cartório para confirmar as informações);

De posse do número real do cartório, entre em contato e questione ou compareça pessoalmente. Ainda é possível realizar buscas on line e gratuitas sobre protestos em sites (Exemplo: www.protestofacil.com);

O cartório de protestos não entra em contato telefônico direto com as pessoas protestadas;

Concluindo pelo golpe, a vítima poderá registrar boletim de ocorrência diretamente na polícia.

Caso remanesça alguma dúvida sobre a pertinência da dívida cobrada, deve-se marcar um horário para atendimento com o advogado da área cível assessoria jurídica antes da realização de qualquer depósito.

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS